Pós-Jogo Corinthians 2x1 Santos - Um passo (mínimo) à frente para levantar a Taça

♠ Publicado por Icaro Scuteri em ,,,, às 22:12
Eae Fiel!

O Coringão veio fazer o primeiro jogo da final do Paulistão, no Pacaembu, e mostrou sua força ao vencer a partida. Entramos em campo com a mesma escalação dos últimos jogos, composta por: Cássio, Alessandro, Gil, Paulo André, Fábio Santos, Ralf, Paulinho, Danilo, Romarinho, Sheik e Guerrero. Dessa vez num 4-2-1-2-1, se é que isso é possível, com Danilo centralizado, Sheik e Romarinho pelas pontas e Guerrero isolado.


Só deu Corinthians no primeiro tempo. O Santos não viu a cor da bola.

Desde o primeiro minuto o Corinthians impôs um ritmo alucinante que o Santos não conseguia acompanhar. Pressionamos muito, não sofríamos contra-ataques, criávamos inúmeras jogadas de gol, todos estavam comprometidos e dando o máximo.

Mas o gol não saía. Paulinho quase chegou lá, Guerrero perdeu um, Danilo arriscava e colocava Rafael para trabalhar, Romarinho sofreu pênalti não marcado.

A superioridade só se converteu em gol aos 40 min de jogo com Paulinho, que tava jogando muito. Numa cobrança de falta de Romarinho, Danilo escorou e deixou para Paulinho encher o pé e estufar as redes. As arquibancadas, que não pararam um minuto, nesse momento aumentaram o volume em 10 vezes. 1 a 0 para o Timão, mas ainda estava barato pelo bale que o San7os estava levando.

Ainda deu tempo do Paulinho meter uma bola na trave, e Guerrero perder o gol mais feito da vida dele, no rebote.Um companheiro de arquibancada me disse que estava impedido, mas vendo o replay agora o bandeira não marcou e não estava impedido, perdeu o gol. O Primeiro tempo ficou por isso.


Na segunda etapa, o Corinthians perdeu ritmo. O Santos fez duas substituições no intervalo e voltou melhor, claro, pior era difícil. O Corinthians ficou menos com a bola, e começava a errar passes e jogadas que não errou no primeiro tempo. O time ficou mais lento, esperando o santos vir pra tentar matar no contra-ataque, que nunca chegava.

Nosso meio campo parou de funcionar, e não conseguíamos aproveitar as chances que o santos entregava em contra-ataques.

Tite substituiu aos 25min do segundo. Entra Pato e Edenílson, sai Guerrero e Romarinho. Achei um erro e um acerto, ao mesmo tempo, mas comento mais abaixo.

Coincidência ou não, pouco mais tarde o Corinthians fez o segundo gol, com Paulo André. Depois de uma jogada de escanteio o zagueiro recebeu limpa e não pensou duas vezes, ao meter a pancada e mandar pra dentro. Timão 2 a 0, uma boa vantagem para a segunda partida.

Mas no fim da partida fomos castigados pelas oportunidades perdidas e levamos um gol de bola aérea.

Não consigo dizer se houve falha de alguém em específico, mas isso precisa ser trabalhado, pois pouco antes do gol Cássio já tinha tirado um lance muito parecido.

Fim de jogo, e o Corinthians leva a vantagem do empate para o confronto na Vila Belmiro no próximo domingo. Não tem nada definido, mas estamos na frente, mesmo que por pouco.


Um primeiro tempo arrasador, mas com o placar que não espelhava isso. Rigorosamente todos jogaram muito no primeiro tempo. Poderíamos ter feito 3 gols, mas não fizemos.

Houve uma queda natural de rendimento no segundo tempo, considerando que seria humanamente impossível manter aquele mesmo ritmo o jogo todo. Mas isso não justifica os erros que começaram a ser cometidos, principalmente na transição defesa-ataque. Tite viu e mudou.

Achei um erro tirar o Guerrero para colocar o Pato, já disse e continuo dizendo que o Pato tem que jogar COM o Guerrero, não NO LUGAR dele.

Já na segunda substituição achei um acerto colocar o Edenilson no lugar do Romarinho, pois ele caiu muito do primeiro pro segundo tempo e o meio campo precisava ser povoado. Infelizmente isso pouco mudou o jogo.

Vencemos, com a diferença mínima, que nos dá a vantagem de poder empatar no domingo, mas acima disso, pudemos ver uma equipe melhor postada e campo, jogando bem. e mostrando aquela disposição e futebol campeão de 2012. Fica um bom prognóstico pra quarta feira, contra o Boca. Pra mim o Santos é mais forte que o Boca, e jogando como jogamos hoje passamos tranquilamente para a próxima fase.

Conceitos Individuais dos Guerreiros:
Cássio: Bom. Não teve culpa no gol e fez boas defesas durante o jogo, só não gosto do tempo que ele enrola pra cobrar tiro de meta, faltas e impedimentos.
Alessandro: MédioFez um bom primeiro tempo, ajudou bastante no ataque, mas no segundo deu uma queda de rendimento, e mostrou algumas vezes o quanto está limitado defensivamente.
Gil: Bom. Não tem mais o que falar dele.
Paulo André: Bom.  Não xinguei nenhuma vez, e ainda meteu um golaço que deu a vitória. Talvez tenha sido um dos melhores jogos dele esse ano.
Fábio Santos: Médio. Primeiro tempo bom, no segundo deu uma sumida.
Ralf: Bom. Cão de guarda. Foi importantíssimo até quando o time puxou o freio.
Paulinho: Ótimo. Bem vindo de volta. Acho que foi o melhor jogo dele esse ano. Deitou e rolou no ataque, fez gol, marcou, chutou na trave e quase fez um golaço no segundo tempo.
Danilo: Bom. No primeiro tempo jogou muito. Bastante participativo, deu o tom do meio campo jogando pelo centro, e até alternando. No segundo também rendeu menos mas não foi mal.
Romarinho: Bom. Fez um excelente primeiro tempo. Fez  cruzamento que saiu o primeiro gol, sofreu pênalti, não marcado, driblou todo mundo. Cometeu alguns erros bobos de passe, mas os acertos foram mais expressivos. No segundo quando tava mais sumido foi substituído.
Sheik: Médio. Perdeu um gol na cara do Rafael que não se perde. Mas no geral jogou foi pra cima e não se escondeu.
Guerrero: Médio. Hoje teve mais criação mas também passou em branco. Perdeu um gol incrível, mas foi bem participativo e jogou com raça o jogo todo, enquanto esteve em campo.
Pato: Ruim. Entrou com vontade mas na posição errada e nada fez.
Edenilson: Médio. Recompôs o meio campo, mas não teve destaque.
Tite: Médio. Foi bem ao escalar o Danilo pelo centro, para melhorar a criação. Foi mal em colocar o Pato no lugar do Guerrero. Só queria saber uma coisa: Por que não dá uma chance pro Douglas, já que precisava melhorar o meio campo?

Torcida: Show. 38 mil pessoas, cantando o jogo todo. Somos sim o 12º jogador em campo, e isso ficou provado hoje, de novo.

Campeonato Paulista 2013
22 jogos - 11 vitórias 9 empate (1 decisão por pênaltis) e 2 derrotas
Final (1º jogo vitória 2x1, segundo jogo em 19/05)

Agora é pensamento no Boca Junior. Estou otimista depois da apresentação desta tarde. Se jogar da mesma forma, classificamos. Se não nos classificarmos (que os deuses nos livrem) espero no mínimo que exista empenho, raça, vontade de vencer até o ultimo minuto. Estarei lá junto a mais 38  mil pessoas para garantir que incentivo não falte.

BÔNUS DA ZUERA

Um tweet meio velho mas define legal como deve tá o clima lá na Baixada...


 
VAAAAII CORINTHIANS!




0 comentários:

Postar um comentário