Pós-jogo Cruzeiro 1x0 Corinthians - Tá na sua conta, Tite!

♠ Publicado por Icaro Scuteri em ,,,, às 09:34
*Este post é mais curto que o usual, pois estou em período de provas na faculdade, e estou sem tempo para maior dedicação.


Eae Fiel!

O Coringão, foi derrotado pelo Cruzeiro, em minas nesta quarta-feira e perdeu a invencibilidade no campeonato. O time escalado foi o pedido por muitos, e pra mim o ideal com as peças a disposição, mas não foi suficiente para sairmos da Arena do Jacaré com os 3 pontos.

O Corinthians foi a campo no 4-4-2 com: Cássio, Alessandro, Gil, Paulo André, Fábio Santos, Ralf, Guilherme, Danilo, Douglas, Émerson Sheik e Alexandre Pato.


Começamos bem o jogo, a escalação estava funcionando, apesar da menor posse de bola criávamos as melhores oportunidades.

Alexandre Pato "perdeu" pelo menos 4 oportunidades de marcar o gol no primeiro tempo. "Perdeu", entre aspas, pois não considero todas, oportunidades perdidas, mas bem defendidas pelo goleiro adversário, que estava em noite inspirada. Isso somado a visível ansiedade do atacante, pelo jejum incômodo de gols, acabou levando para o intervalo o placar zerado.

Aí a coisa desandou. O técnico Tite, segundo repórter de campo, disse claramente que a tática pro segundo tempo seria recuar a equipe e utilizar de contra-ataques. O Cruzeiro, por sua vez, adiantou a marcação e dominou o Corinthians, que conseguiu a impressionante marca de zero contra-ataques armados.

O Corinthians não conseguia sair jogando, não acertava dois passes seguidos sem perder a bola, e não finalizou a gol nenhuma vez no segundo tempo.

O Cruzeiro veio pra cima, apesar de não oferecer real perigo era dominante, e esbarrava na forte defesa Corinthiana. Tite substituiu, colocando Romarinho, no lugar do Douglas, e voltando a tão criticada tática dos últimos jogos. A partida continuava igual.

Foi quando entrou um garoto na equipe do cruzeiro, que colocou fogo no jogo. Em cima do Fábio Santos, teve grande oportunidade de marcar o gol na pequena área mas jogou por cima.

Na segunda oportunidade, já aos 40 do segundo ganhou na velocidade, do nosso lateral esquerdo, e foi pra área. Fábio Santos usou foça desproporcional e empurrou o atacante. Falta. Se dentro da área, pênalti. Foi o que viu o árbitro e eu não discuto. Fábio Santos que já tinha amarelo foi expulso, e o pênalti foi convertido pela equipe mineira.

Qualquer chance de o Corinthians ir pra cima em busca do empate morreu nos primeiros segundos após a saída de bola, onde o Cruzeiro manteve a pressão na saída e o Corinthians não conseguia saída, ainda mais por ter um jogador a menos.

E assim ficou.



O Corinthians pagou o preço de por utilizar uma tática de time pequeno no segundo tempo. Uma tática falha e covarde que custou mais 3 pontos a equipe.

Se mantivéssemos o jogo do primeiro tempo, poderíamos ter saído com a vitória, ou ao menos com o empate, mas recuar a equipe ao ponto de não conseguir finalizar uma única vez é ridículo.

Pato perdeu gols, mas estava lá para concluir, não se escondeu, e parou no goleiro. Pra mim não foi o fator determinante para a derrota. O fator determinante foi a postura covarde, confirmada pelo técnico no segundo tempo.

Não estou pedindo a cabeça do Tite, longe disso. Mas ele é responsável por essa derrota, e espero que utilize o próximo mês sem jogos para acertar alguns pontos que precisam ser revistos. Nós não jogávamos assim nem quando a equipe era mais limitada, hoje com mais qualidade, isso não faz sentido algum.

Tá na sua conta, Tite!

E pelo amor dos deuses, Fábio Santos não tá dando mais!



Conceitos Individuais dos Guerreiros:
Cássio: Médio. Não fez grandes defesas, pois não foi exigido, e no pênalti até pulou no canto certo, mas é bom dar uma treinada nisso.
Alessandro: Médio. Pouco fez, mas não comprometeu lá atrás, pelo menos.
Gil: Bom. Foi firme e um dos motivos pelo Cássio não ter aparecido tanto.
Paulo André: Bom. Também esteve seguro, e o entrosamento com o Gil o deixa um passo a frente do Chicão, pra essa posição.
Fábio Santos: Péssimo. Já tava louco pra ser expulso faz uns 5 jogos. Não estava bem no jogo, e quando pareceu fez o pênalti que decidiu o resultado. Espero que o Igor arrebente no sábado.
Ralf: Bom. Esteve bem defensivamente, mas quando tentava sair jogando ou armar ataque para suprir a apatia do Guilherme, pouco produzia.
Guilherme: Médio. Não subiu ao ataque nem quando estávamos bem, no primeiro tempo. Não tínhamos transição porque ele não avança. Pra quem quer substituir o Paulinho tá devendo muito futebol. Defensivamente fez o que tinha que fazer.
Danilo: Médio. Não comprometeu, esteve até bem no primeiro tempo, mas não foi incisivo.
Douglas: Médio. Distribuiu o jogo e esteve bem no primeiro tempo, com boa parte das jogas de ataque saindo dos pés dele. No segundo, não aparecia e saiu.
Pato: Ruim. Apareceu muito no primeiro tempo e podia ter decidido. Infelizmente não posso melhorar o conceito, pra um cara que teve 4 chances claras e não fez.: Ruim. Não tá fácil ser centro-avante neste time. Se não em engano só teve chance de concluir uma ou duas vezes.
Sheik: Ruim. Mal apareceu e jogou a partida toda. Pra mim devia ter saído no lugar do Douglas.
Romarinho: Ruim. Jogou boa parte do primeiro tempo, e mal pegou na bola.
Tite: Ruim. Substituiu mal e recuou a equipe, o que foi determinante pro resultado. Espero que use bem o tempo que vai ter para acertar as coisas. Ainda tem moral, mas precisa se mexer.

Campeonato Brasileiro 2013
4 jogos - 1 Vitória 2 empates 1 Derrota
5 pontos
13º colocado (até a finalização deste texto)

Próxima partida, no Pacaembu, sábado. Infelizmente não poderei comparecer, então talvez não tenha pós-jogo. Tentarei assistir um VT. Mas no Pacaembu, nada além da vitória interessa.

VAAAAAAAAI CORINTHIANS!

Texto de Icaro Scuteri (@ICARO_SCUTERI)


0 comentários:

Postar um comentário