Pós-jogo: Ponte Preta 1x1 Corinthians - Má apresentação, empate foi lucro

♠ Publicado por Andrade em ,,,, às 18:49
Léo Santos comemora o gol de empate (Marcello Zambrana/AGIF)

Com quatro alterações na escalação – as entradas de Léo Príncipe, Pedro Henrique, Paulo Roberto e Léo Jabá – o Corinthians enfrentou a Ponte Preta no Moisés Lucarelli pelo 9ª rodada do Campeonato Paulista. O time da casa faz boa campanha e entrou em campo como líder do grupo D da competição.

A primeira chegada corintiana foi através de finalização de Maycon aos 7 minutos, após Jô ganhar a disputa pelo alto. Imediatamente a Ponte respondeu em boa descida de Nino Paraíba pela direita, que cruzou para a área obrigando Cássio a duas defesas em sequência.

O time da casa tinha mais posse e investia em jogadas pela direita, enquanto o Corinthians esperava, sem ter efetividade para criar algo. Após erro na saída de bola alvinegra, (contando com falta não assinalada em Léo Príncipe) a Macaca assustou em chute de Ravanelli aos 16. Dois minutos depois, grande chance desperdiçada pelo mesmo jogador, em rebote de boa defesa de Cássio. A Ponte impunha seu volume de jogo, sempre sendo perigosa e a dupla Ravanelli e Clayson tinha muito espaço.

Chegar à parada técnica sem desvantagem no placar foi lucro para o Corinthians, mas a sensação passou logo após o reinicio da partida. Aos 35, falta na lateral esquerda e Cássio pediu apenas dois jogadores na barreira. Lucca cobrou no canto e o arqueiro corintiano chegou atrasado na bola. 1x0 Ponte e a chamada Lei do Ex dava as caras em Campinas.  

Nos minutos finais da primeira etapa o Timão esboçou algumas tentativas, mas a criação inexistente ecoou os piores momentos do time no ano.

Na volta do intervalo Jabá deu lugar a Kazim. Com o turco mais fixo, Jô poderia se movimentar mais, encorpando o setor criativo da equipe. Já a Ponte teve nova oportunidade aos 4 minutos.

Com o transcorrer da etapa final, o time campineiro conteve seu ímpeto, passando a circular a bola com calma, enquanto o visitante não oferecia perigo. O jogo caiu muito de qualidade, sem nenhum lance de destaque e nível técnico sofrível.

O placar só seria movimentado novamente após o primeiro chute de Rodriguinho no jogo. Chute que resultou em escanteio, e a partir deste Jô aparou bem para Léo Santos – que substituiu Balbuena lesionado – empatar aos 31 minutos.

Placar que foi definitivo. Empate que pode ser comemorado pelo Corinthians, tendo em vista a apresentação ruim, principalmente na primeira etapa. Fica evidente mais uma vez o elenco justo em certas posições, já que Gabriel e Fagner fizeram muita falta. Da mesma forma, o setor ofensivo pouco agrediu o adversário.

A equipe de Fábio Carille volta a campo na próxima quinta-feira em Itaquera, pela volta da 3ª Fase da Copa do Brasil contra o Luverdense.



PONTE PRETA X CORINTHIANS

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 12 de março de 2017
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo
Assistente: Danilo Ricardo Simon e Tatiane Sacilotti dos Santos
Gols: Lucca (Ponte Preta); Léo Santos (Corinthians)
Cartões amarelos: Jô, Jadson e Paulo Roberto (Corinthians); Clayson (Ponte Preta)
PONTE PRETA: Aranha; Nino Paraíba, Marllon, Yago e Jeferson; Fernando Bob, Matheus Jesus (Naldo) e Ravanelli (Matheus Cassini); Clayson, Lucca (Lins) e William Pottker
Técnico: João Brigatti
CORINTHIANS: Cássio, Léo Príncipe, Pedro Henrique, Balbuena e Guilherme Arana; Paulo Roberto; Jadson, Maycon, Rodriguinho (capitão) e Léo Jabá; Jô (Kazim).
Técnico: Fábio Carille




0 comentários:

Postar um comentário