Pós-jogo: Botafogo 0x0 Corinthians - Tudo igual em jogo sonolento

♠ Publicado por Andrade em ,,,, às 21:19
Guilherme Arana tenta a jogada (Rogério Moroto/ Agência Botafogo)

O abril de decisões do Corinthians teve início contra o Botafogo em Ribeirão Preto com o jogo de ida das quartas de final do Paulista. No confronto entre duas das melhores defesas da competição - e dois dos piores ataques, o resultado não poderia ter sido outro: um enfadonho 0x0.

O primeiro tempo foi o prenúncio do restante da partida: fraco tecnicamente e repleto de erros de ambas as equipes. Num gramado seco e duro, o Corinthians não fez prevalecer sua  maior qualidade. Os meias foram pouco criativos e os laterais quase não acionados. Já o time da casa usou e abusou dos lançamentos para o meio da defesa corintiana.  O desfalque de Rodriguinho também foi  importante para a fraca performance dos visitantes.

O único lance de destaque alvinegro saiu dos pés de Jadson, em belo passe para Jô. O atacante teve sua finalização defendida por Neneca, e no rebote Maycon só não marcou pela ação providencial de Bileu. Único momento de lucidez em pouco mais de 45 minutos.

O segundo tempo começou com o time da casa indo para cima, colocando velocidade no jogo. O  Corinthians demorou a se encontrar, e aos 4 minutos Cássio fez boa defesa. O Timão permanecia muito espaçado em campo, com Maycon e Romero pouco se aproximando do restante da equipe no momento ofensivo.

Gradualmente o Corinthians passou a ter mais volume, criando boa chance com Romero que chutou por cima do gol após boa trama com Jô. Maycon passou a se movimentar mais, e seus passes foram mais percebidos. 
Aos 25, Romero em atuação sofrível, deu lugar ao estreante Clayton. Dessa maneira, Maycon saiu do lado esquerdo e passou a atuar por dentro, faixa de campo em que rende melhor.

Porém não foi o suficiente para alterar o andamento da partida, que seguiu arrastada até seu fim. Num jogo em que as equipes somadas erraram 99 passes, e tiveram apenas 4 finalizações certas, os goleiros foram meros espectadores.

No dia da mentira, o que não se viu foi futebol de verdade no Santa Cruz.

O jogo da volta ocorre dia 9 às 16h em Itaquera. Novo empate, por qualquer placar, leva a decisão para a disputa de pênaltis




FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO-SP 0 X 0 CORINTHIANS
Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 1º de abril de 2017, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Sousa (SP)
Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Mauro André de Freitas (SP)
Cartões amarelos: Gualberto e Rafael Bastos (Botafogo-SP); Jadson (Corinthians)
BOTAFOGO-SP: Neneca; Samuel Santos, Filipe (Matheus Mancini), Gualberto e Fernandinho; Bileu, Marcão Silva, Diego Pituca e Rafael Bastos (Bernardo); Francis (Wesley) e Marcão
Técnico: Moacir Júnior
CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Camacho (Clayton), Romero (Léo Jabá), Jadson e Maycon; Jô
Técnico: Fábio Carille





0 comentários:

Postar um comentário